NBR 14570 - Instalações internas para uso alternativo dos gases GN e GLP - Projeto e Execução
Ago 2000

 Sumário
 
Prefácio
Introdução
1 Objetivo
2 Referências Normativas
3 Definições
4 Requisitos Gerais
5 Requisitos Específicos
 
ANEXOS
 
A Exemplo de rede de distribuição interna em prumada individual
B Exemplo de rede de distribuição interna em prumada coletiva
C Potência nominal dos aparelhos de utilização
D Fator de simultaneidade
E Cuidados com a tubulação
F Exemplos de dimensionamento

Prefácio

A ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas - é o Fórum Nacional de Normalização. As Normas Brasileiras, cujo conteúdo é de responsabilidade dos Comitês Brasileiros (ABNT/CB) e dos Organismos de Normalização Setorial (ABNT/ONS) são elaboradas por Comissões de Estudo (CE), formadas por representantes dos setores envolvidos, delas fazendo parte: produtores, consumidores e neutros (universidades, laboratórios e outros).

Os Projetos de Norma Brasileira, elaborados no âmbito dos ABNT/CB e ABNT/ONS, circulam para Consulta Pública entre os associados da ABNT e demais interessados.

Para que uma instalação interna para uso alternativo dos gases GN e GLP seja considerada de acordo com esta Norma é necessário que atenda a todas as exigências e recomendações nela constantes e não apenas parte ou itens dela.

Esta Norma contém os anexos A, B, C, D e F de caráter informativo.

Introdução

Recomenda-se que os requisitos gerais desta Norma sejam adequados pela autoridade competente à legislação específica local.

1 Objetivo

Esta Norma fixa as condições mínimas exigíveis das instalações internas de gás destinadas a operar com gás natural (GN) ou ou gás liquefeito de petróleo (GLP) na fase vapor, com pressão máxima de 150kPa (1,53kgf/cm2)
    
Maiores detalhes, por favor entre em contato que lhe daremos orientação a respeito desta Norma.